:: Madiba ::

Nelson Mandela é uma dessas coisas/pessoas que eu cresci ouvindo falar, mas nunca me preocupei em saber mais aprofundadamente. Que pena!!! Esse final de semana peguei Invictus para assistir e digo sem sombra de dúvida que descobri um ídolo. É muito bom, indico para quem gosta de filme que faz pensar.

Numa dos diálogos, um de seus seguranças pessoais fala para outro: para Madiba, ninguém é invisível. Não poderia achar uma frase melhor para descrever como eu acho que as pessoas deveriam agir. Mas vivemos num mundo cada vez mais egoísta e aprendemos a olhar cada vez mais pro próprio umbigo ao invés de em volta.

Ontem, no meio da balada, me afastei de lugar para que a faxineira que limpava o chão pudesse passar. Ela me olhou surpresa, eu sorri. Agradeceu e passou. Fiquei de longe a observando, e as vezes faço isso mesmo. Imagino que quase ninguém deve fazer contato visual com ela, que dirá sorrir. Naquele momento, me lembrei do filme. Deve estar acostumada a ser invisível (no trabalho)… E isso é algo que sempre notei pela  noite: a maioria do público não liga pra quem está ali servindo. A não ser que precise de algum deles, não se preocupa em ser cordial. Eu fico satisfeita comigo mesma por ter essa sensibilidade, mas acho errado. Isso deveria ser o normal, o comum. E não algo que eu use para me sentir ‘’melhor’’ que algumas pessoas… Mas…

Enfim, usei o exemplo de ontem para ficar mais claro mesmo, o que quero falar hoje. Vivemos tempos de imbecilidade, me perdoem a falta de esperança. A geração seguinte está vindo aí sem ter muita noção de boas maneiras, educação ou mesmo preocupação em aprender sobre. Criados mais pela mídia do que pelas próprias famílias, estão crescendo na cultura do EU tenho, EU quero. A maior parte das minhas frustrações é fruto deles. Se as pessoas batem papo no cinema, furam fila sem hesitar, destratam alguém que lhes presta algum serviço e por aí vai essa lista que se eu fizer aqui ocupa parágrafos. O twitter está para exemplificar também: todos querendo ser celebridades de seus próprios mundos, vomitando essa diarréia de informação desnecessária e sem querer saber muito do que o outro fala, a não ser que seja alguém famoso. E as Paris Hilton e Kardashians da vida viram ícones de não sei o que…

E o Mandela? Pergunta pra ver se eles sabem quem é…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s