Pagando língua

Minha vida sempre teve música. Muita música. Tropicália e brasilidades da parte materna, e muito rock’n roll da paterna. Diz meu pai, que quando eu chutava muito na barriga, era só cantarolar Caetano no ouvido de mamãe, que eu sossegava na hora. Nas brincadeiras de criança em casa sempre teve uns showzinhos também. Sem falar no banho, cantava muito. Gravo clipe até hoje, preparando pra sair… E almoçar aqui em casa é só com música clássica de fundo.

Aí tive uma época de relapso na adolescência, virei fã da Xuxa. Errar é humano, rs. Então, uma paixão de colégio aos 15 me fez voltar pro Rock. Pink Floyd foi a descoberta da vida pra mim. Típico de mulher: Ouve/gosta porque o cara é fã. Do cara, nem sei mais. Mas o Pink domina a estante de CDs e o play do som até hoje, principalmente em noite de céu limpo…

Aí, aos 17, saí do mundinho do rock e descobri o eletrônico. Fui pra Broadway um dia que tocava Techno. Perguntei o que era aquilo. Me falaram: é um bate estaca, você vai ver… E eu vi. Morrendo de rir do jeito que as pessoas dançavam, a princípio. De lá, caí na Escape (1º club de musica eletrônica de BH), onde descobri os mestres: Noise, Robinho, Xéu, Mille… Costumo falar que fui muito bem catequizada desde cedo, graças a Deus. Independente do estilo musical… E essa era do eletrônico durou uma década.

E mesmo que eu toque um monte de bagaceira, nunca imaginei que um dia a cabine seria ‘minha’. Acho graça até hoje quando me chamam de Dj Sininho. Há uns 5 anos atrás, fiz um teste vocacional, porque não sabia que rumo dar à minha vida. Umas das principais profissões que saiu foi Dj. Seguido de psicologia, jornalismo e diplomacia, hahaha… Me pergunta qual delas eu achei provável? A de Dj soou como brincadeira…

Mas virou verdade. A Sininho que antes dançava, agora toca. E ‘pior’: toca axé, sertanejo, funk, forró (na Camarim e dependendo da festa, claro!)… Em meio a muitas outras preferidas. Se me falassem isso há um tempo atrás, eu ia achar muita graça. Não acreditaria… Pois é, dessas línguas que a gente paga à medida que envelhece… E por isso digo que tenho amado envelhecer, amadurecer… É vero que tenho ‘traído’ o movimento que amei e defendi por muitos anos. Não prestigio os mestres mais como deveria… Pago língua disso também… Mas confesso, que tenho pagado feliz!!!

Anúncios

6 Respostas para “Pagando língua

  1. Olá Sininho,

    Continuo lendo seu Blog, apesar de não comentar sempre…. e curto muito o que você escreve!!! Você é uma pessoa muito especial (e iluminada!!) e diz sempre coisas que nós as vezes não “conseguimos” expressar…

    E hoje você falou algo que eu ameeeei… EU TAMBÉM ESTOU AMAAAAAAAANDO “ENVELHECER”!!!!!!! Não trocaria meus 30 pelos meus 20…. não por nada (cada fase de nossas vidas tem sua beleza, seu charme, seu encanto…), mas é que a experiência traz tanta tranquilidade, paciência e entendimento das coisas… (mesmo que em alguns momentos o amadurecimento vem na “porrada”…) puxa vida é muuuito gostoso a gente ver os frutos de cada ano que passou, quando estes foram BEEEEM vividos!!!

    Beijos pra vc!!! ;D

  2. Adoroooo o seu blog sino!!! leio sempre!!! vou contar umas historias engracadas daqui ai vc le la no meu!!! a gente gosta de falar das coisas da vida mas ainda nao tive as caras de me abrir tanto qaunto vc por aqui!! curto!! um dia quem sabe revelo meus segredos por la…mas acho q vou ter q morrer depois pq seria muito perigoso viver depois disso! hahahahaha beijos de London!

  3. É,sei bem como funciona essa coisa de metamorfose musical.rsrs,mais é assim msm,quanto mais se ouve mais queremos ouvir,e adentrar em novos universos musicais.rsrs
    bom demais conhecer vc “DJ SININHO”rsrs vê se acostuma

  4. Muito bakana seus comentários sobre a vida de DJ. Eu alem de ser DJ trabalho como vendedor no mundo da tecnologia, com segurança da informação, treinamento. Em relãção ao pagar a lingua, o mais inportante é ser feliz. E pode ter certeza que tem pessoas que não pagam a lingua mas são infelizes tmb. Meu estilo é MPB(musica ppular boa). As vezes tenho que tocar sertanejos, Justin Bibiers da vida. Mas como vc sou feliz tmb.

    Abs e seja muito feliz.
    Rafael

    http://www.djoriente.mus.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s